Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 19, 2010

o livro negro dos eua capitulo 3 - hiroshima e nagasaki

“Ao sermos os primeiros a usar a bomba atômica, adotamos um padrão ético comum aos bárbaros da Idade das Trevas” Willian D. Leahy – almirante chefe do grupo de trabalho do presidente Truman.

Uma das grandes questões em relação aos americanos é como pode um governo que faz o que faz, matando, mutilando, exterminando e demonstrando sua força com povos muito menos capazes de reagir e seus cidadãos fazerem vistas grossas para tanto derramamento de sangue.
Um desses exemplos foi a destruição das cidades de Hiroshima e Nagasaki por bombas atômicas no final da segunda guerra mundial. Mais de 170 mil cidadãos civis, mulheres, crianças, idosos e homens em idade de trabalho, foram mortos instantaneamente pelas explosões dos dois aparatos. Sem contar os outros tantos que morreram por envenenamento radioativo, pouco depois e décadas depois.
O mito que se criou foi que era necessário dar aquela demonstração de poder bélico, salvando vidas de cidadãos americanos e de japoneses. “Ao serem impiedosos,…